2.4.06

Paleta de Cordeiro com Farofa de Frutas Secas Brasileiras


By Alex Atala (DOM)
(para 8 pessoas)

-2 paletas de cordeiro (de 1,5 kg cada)
-6 ramos de alecrim
-6 ramos de tomilho
-5 dentes de alho picados fino
-80 g de sal grosso
-750 ml de vinho branco seco
-200 ml de caldo de legumes
-glacê de caldo de paleta*
-salsinha a gosto
-1 ramo de alecrim
-(para decorar)

Farofa
2 cebolas roxas
-100 g de manteiga
-50 g de castanha de caju
-100 g de castanha-do-pará
-1 colher (sopa) de micro- tirinhas de bacon frito
-1 ramo de alecrim
-200 g de farinha de mandioca grossa
-sal e pimenta-do-reino moída na hora

Comece pelo preparo da farofa. Refogue as cebolas na manteiga em fogo lento até dourar -esse processo pode demorar até 30 minutos. Em seguida, aumente o fogo e adicione as castanhas, o bacon e o alecrim. Quando as castanhas começarem a dourar, acrescente a farinha de mandioca, mantendo o fogo alto até dourar. Tempere com sal e pimenta-do-reino. Reserve. Numa assadeira, coloque as paletas, as ervas, o alho picado, o sal grosso e o vinho branco. Distribua todos os temperos de maneira uniforme. Tampe e leve ao forno quente (200º C) por 20 minutos. Retire, cubra as paletas com água quente e leve ao forno por mais 1 hora, ou até que a carne fique macia, virando uma ou duas vezes, para cozinhar por igual. Quando estiver no ponto, retire a paleta do caldo de cozimento e coloque-a em outra assadeira. Regue com o caldo de legumes e pincele com o glacê. Volte ao forno quente e deixe até dourar bem. Coloque cada uma das paletas sobre uma tábua, salpique salsinha picada e finalize com um ramo de alecrim e uma porção de farofa.

Glacê de Caldo de Paleta
-50 ml de óleo
-1 cebola
-3 cenouras
-1 litro de vinho tinto
-1 buquê garni (com alecrim, tomilho e louro)
-3 litros de caldo de carne

Sobre uma tábua, pique os legumes em meia-lua. Aqueça bastante uma panela, acrescente o óleo e, em seguida, a cebola e as cenouras. Refogue até dourar. Acrescente o vinho, as ervas e o caldo. Abaixe o fogo e deixe reduzir por aproximadamente 4 horas, ou até que engrosse. Coe e reserve.

6 comentários:

Téia disse...

Oi Giácomo !

Nossa, o teu blog virou o meu cookbook online. Venho direto aqui conferir post novos, pegar receitas diferentes ou simplesmente me inspirar.

No sábado fiz a vitela com crosta de pistache. Ficou uma loucura, simplesmente perfeita.

Fácil, rápida e de grande efeito !

Valeu a dica, guru.

Beijos e até a próxima !

Giacomo disse...

Oie...
Que bom que pelo menos vc, que já é amiga antiga, deixa comentários sobre a utilização das receitas.
Agora se você gosta de coelho, faz aquela receita com mostarda.
Se não agradar, juro que mando o dinheiro que gastares com as compras!
Num dia frio, com um vinho bem encorpado...
Serve com batatas cozidas ou um arroz branquinho, simples.
E, depois, me conta.

Téia disse...

Ah, imagina só.
O blog e o autor merecem ! :o)

Qto ao coelho, já planejei fazê-lo no dia 16/07. Será um almoço especial, do aniversário do meu marido. E tenho certeza de que não precisarei te pedir o reembolso.

Beijo grande e td de bom prá ti !

Giacomo disse...

Oie, de novo!
Onde vc leu arroz, pense numa massa fininha. Pode ser fetuttini mais fininho ou spaghetti. Fica ótimo, tbém.
Estive no teu blog mas não consegui deixar recado. Não tem link.
É de propósito??
Vou esperar notícias quando julho chegar.
Quando fores fazer, me lembra que te dou "as dicas" do cozinheiro. São as secretas, rsrsrs.
Bjs./

Téia disse...

Giácomo, bom dia.

Ah, vou querer saber destes segredinhos do coelho, sim. Ainda mais que nunca tive a coragem de preparar um sozinha.

E, te prepara, até julho pretendo experimentar outras receitas do blog e vou te contar o resultado de cada uma delas.

Qto ao meu blog, ele surgiu meio do nada, muito recentemente. Na verdade tive que criar uma identidade Blogger para postar em alguns lugares e resolvi aproveitar o espaço para jogar algumas coisas que descubro ou que chegam até mim. Não abri os comentários por que não mexi muito nas configurações dele. Uma hora destas vou olhar o setup mais detalhadamente.

Bom era isto. Um ótimo dia prá ti !

cozinhaquantum.wordpress.com disse...

Oi Giacomo

Poderia me informar onde achou essa receita? Foi no livro? Parece ótima. Estou pensando em adquirir o livro do Alex Atala de um sebo, mas não tenho certeza se vale a pena.
Parabens pelo blog, acho que virarei assíduo por aqui.

cozinhaquantum.wordpress.com